quinta-feira, 17 de setembro de 2009

O QUE É CONCORRÊNCIA PERFEITA? Já

Carlos Escóssia

É um tipo ou estrutura de mercado onde existe um grande número de produtores e consumidores. Numa situação de concorrência perfeita nenhuma empresa pode, por si só, influenciar o mercado. O conjunto das empresas é quem determina a oferta de mercado, a qual interagindo com a demanda, determina o preço de equilíbrio. Independentemente da quantidade que uma empresa produz, essa empresa terá obrigatoriamente que vender a sua produção ao preço determinado pelo mercado


O preço de equilibro é determinado pela interação entre oferta e procura, sendo a oferta o resultado da produção do conjunto das empresas existentes nesse mercado concorrencial.


As principais características de um mercado de concorrência perfeita, são: grande números de empresas ofertando produtos substituíveis; inexistência de economia de escala (produção em larga escala); nenhuma empresa ou consumidor é suficientemente grande para impor preço, qualidade, tipo e outras condições - quem dita a regra é a lei da oferta e da procura - o senhor da situação é o mercado; vendedores e compradores ficam subordinado ao mercado.


Numa estrutura de concorrência perfeita, devem prevalecer as seguintes premissas: mercado atomizado (composto de um grande número de empresas, como se fossem átomos); produtos homogêneos (não existe diferença entre os produtos ofertados pelas empresas concorrente); transparência de mercado (todas as informações sobre lucros e preços são conhecidos por todos os participantes do mercado).


Atualmente não existe mercado tipicamente de concorrência perfeita. O mercado dos produtos hortifrutigranjeiros é o exemplo que mais e aproxima a esse tipo de mercado.
O mercado da concorrência perfeita é o sonho ideal de todo economista liberal.

18 comentários :

Anônimo disse...

Excelente contribuição... Gostei imenso.

Diego Ferreira disse...

Muito boa essa definição.
Parabens

Anônimo disse...

Valeu - abriu minha mente!
Gostei da crítica "é um sonho ideal de todo economista liberal"
Legal mesmo! :)

Tânia disse...

Obrigada pelo esclarecimento, o exemplo dado foi de grande valor ao entendimento.

Inês Almeida disse...

Sera possivel mostrar-me algum artigo no jornal ou livros que demonstre um caso prático de concorrencia perfeita e o monopólio?
Tenho de fazer um trabalho para a faculdade em que é necessário ilustrar exemplos reais.

Frankanne da Motta disse...

Tenho que fazer um trabalho para a faculdade e o exemplo dado só esclarecerei minha ideia.
Parabéns.

Frankanne da Motta

Kiki disse...

Nossa perfeita conclusão, nem minha prof de economia que eu acho ser fera no assunto me fez entender isso.Tá de parabéns.

José Ramos-SJ disse...

Ramos-comentou:
Parabéns, fiquei satisfeito com a
conclusão!

Anônimo disse...

muito bom , mais o que acontece quando um preço de um determinado bem estiver abaixo do preço de equilibrio?

Anônimo disse...

o que acontece quando o preço de um determinado bem fica abaixo do preço de equilibrio

Pizzaria do Marcão disse...

Parabéns estou estudando essa matéria e vc falou tudo de uma forma clara, objetiva e didática as escolas precisam de professores que expliquem como vc sem complicar a vda dos alunos!
Mais uma vez parabéns!

Cristiane disse...

Muito bom!!!! Gostei! Obrigada!

Fran disse...

Muito bom... obrigada pela ajuda...

Chai disse...

Muito claro e objetivo. Excelente forma de expressão para o entendimento. Obrigada!

Anônimo disse...

Gostei muito dessa definição simples e objetiva.

ZGFAERHGFHASDFHQAegv disse...

Obrigado pela contribuição!!!!

ZGFAERHGFHASDFHQAegv disse...

Obrigado pela contribuição!!!

Raul Souza disse...

Muito enriquecedor e esclarecedor. Gostei muito da sua definição de concorrência perfeita.