terça-feira, 10 de março de 2015

 CONSERVATÓRIO RETOMA ATIVIDADES


As atividades do Conservatório de Música D'alva Stella Nogueira Freire forão retomadas nesta segunda-feira (09) em novo endereço. A partir de agora, as aulas do Conservatório, que funcionava em prédio alugado, ao lado da Reitoria, serão ministradas no Campus Central, no bloco do Departamento de música. 

Segundo o diretor do Conservatório, Prof. Hallysson Dantas, a mudança vai trazer inúmeras melhorias. “Agora o Conservatório estará ligado diretamente ao curso de Música. Será um espaço laboratorial para os alunos da graduação, ao mesmo tempo em que continuará ofertando trabalho de qualidade para a comunidade, mantendo sua característica extensionista. Como consequência, haverá a ampliação do número de vagas, ampliação dos espaços a serem utilizados, oferecendo uma estrutura para os alunos”, afirmou.

A ampliação do número de vagas já começa a ser sentida. Em 2014, o Conservatório encerrou suas atividades com 315 alunos. Em 2015, são aproximadamente 400 alunos matriculados, e a perspectiva é aumentar o número de vagas futuramente.

A grade de cursos também já foi ampliada. O curso direcionado a alunos da terceira idade foi ampliado e agora é voltado para adultos. Os cursos básicos e médio também foram ampliados, ofertando mais vagas a partir de agora. Outra mudança é o novo curso voltado para a iniciação musical de crianças de 6 e 7 anos.

A mudança do Conservatório de Música da UERN para o Campus Central vai gerar uma economia de pelo menos R$ 6 mil mensais, referente ao pagamento do aluguel do prédio onde funcionava, atendendo com isso ao direcionamento do Governo do Estado, de cortar gastos. “É um gasto desnecessário para a Universidade, já que tínhamos um espaço ocioso no Campus Central, ao mesmo tempo em que estamos atendendo o direcionamento do Governador Robinson Faria e do próprio Reitor Pedro Fernandes, que é de cortar gastos, mantendo a qualidade”, explicou Hallysson.

Capacitação - Dentro da política de capacitação do Conservatório de Música da UERN, que ocorre semestralmente, professores, técnicos e alunos do Conservatório participaram na última quarta e quinta-feira de uma capacitação em ensino coletivo de instrumentos, realizada pela Profa. Dra. Cristina Tourinho (UFBA). Ela trabalhou o ensino coletivo para vários instrumentos, desde piano e tombone até percussão e um regente. “O foco é ensinar um instrumento de forma coletiva. Esse foi um dos públicos mais sinceros e amigáveis que trabalhei nos últimos tempos. Procuramos olhar as especificidades de cada instrumento, além da parte de conceituação e pedagogia, até implementar jogos de percepção, leitura musical”, explicou a professora, que possui Pós-Doutorado em Ensino de Música.

Ela conheceu e elogiou o trabalho realizado pelo Grupo Ecoarte, que leva o ensino de música à praça pública. “Fico feliz em ver como as pessoas podem, voluntariamente, fazer um trabalho de ensino coletivo. É possível aprender em qualquer idade. As velocidades da aprendizagem é que são diferentes, mas todo mundo pode aprender música”, afirmou a professora, que elogiou ainda a estrutura de ensino de música da UERN. “Esta é uma instituição privilegiada por ter um conservatório de música, que faz uma preparação para as pessoas que estão iniciando; por ter um projeto social e uma graduação em Música, atendendo a vários níveis. Tem muita gente que não quer se profissionalizar, no entanto quer aprender a tocar um pouquinho. O verdadeiro papel de um curso de extensão não é fazer todo mundo subir em um palco, mas formar plateia, para sentar e apreciar outros que queiram fazer da música sua vida”, finalizou Cristina Tourinho.

Fonte: Assessoria de Comunicação da UERN 

Nenhum comentário :