quinta-feira, 12 de março de 2015

BOLETOS DO IPTU SERÃO 
 ENTREGUES A PARTIR DE HOJE

Disponível no site da Prefeitura Municipal de Mossoró (PMM) desde o dia 1º de janeiro, o boleto do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) será enviado para as residências dos contribuintes a partir de amanhã, 12. O documento também pode ser solicitado junto ao setor de atendimento da Secretaria da Fazenda.
O prazo final para pagar o IPTU é 31 de março. Inicialmente, a data para início do envio dos boletos era 20 de fevereiro, entretanto, questões técnicas impediram o encaminhamento do carnê. A Secretaria da Fazenda esclarece que não haverá prejuízos para a população em virtude do pequeno atraso.
Para facilitar a vida dos contribuintes e otimizar o tempo do serviço, a Secretaria da Fazenda orienta as pessoas a emitirem o boleto pelo site da Prefeitura. O passo a passo é simples. O contribuinte acessa o sitewww.prefeiturademossoro.com.br; entra no link do Portal do Contribuinte; depois em IPTU e por fim no link DAM em exercício atual. 
O contribuinte que estiver regular terá duas formas para realizar o pagamento, uma com 30% de desconto em cota única, ou com 15% de desconto parcelado em seis vezes. Já para o contribuinte que não está regular, o desconto é de 5%, seja o pagamento em cota única ou parcelado em seis vezes. No ano passado, foram arrecadados cerca de 23 milhões com o IPTU. 
Além do serviço on line e da entrega dos boletos em casa, a Secretaria da Fazenda disponibiliza atualmente 12 terminais, sendo 10 para atendimento ao público, um para atendimento preferencial e outro para orientação ao público. O setor funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h. A Secretaria da Fazenda fica localizada na Avenida Alberto Maranhão, N° 1180, Centro. A população pode entrar em contato com o órgão através do contato 3315-4893 ou 3315-4890. 
Passo a passo para retirar o boleto do IPTU on line: 
•    Site da Prefeitura de Mossoró
•    Portal do Contribuinte
•    IPTU
•    DAM em exercício atual
Fonte: Assesssoria de Comunicação da PMM - Por Maricelio Almeida

Nenhum comentário :